UFMS promove 1ª Escola de Mecânica dos Fluídos Ambiental no Brasil

Entre os dias 08 e 12 de janeiro, a UFMS recebe a Escola de Mecânica dos Fluídos aplicada à Engenharia Ambiental, a primeira a ser realizada no Brasil. O evento, que conta com grandes nomes da área, acontece no anfiteatro da FACOM (Faculdade de Computação) das 8h às 18h. Para o evento estão inscritos alunos do Brasil, Chile, Malásia e África do Sul.

Seguindo o modelo das Escolas já realizadas pela Associação Internacional de Engenharia e Pesquisa Hidro Ambiental (IAHR), o curso combina teoria, experimentos e aplicações, envolvendo aulas teóricas, aulas de campo e visitas técnicas.

No Brasil, a Escola surgiu a partir de conversas entre os professores Johannes Gérson Janzen e Fábio Veríssimo Gonçalves, da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (FAENG-UFMS) e Tobias Bleninger da Universidade Federal do Paraná (UFPR), todos com experiência em participação de escolas do mesmo tipo na Europa.

Além de colaborar para a formação dos alunos da pós-graduação brasileira da área de Mecânica dos Fluidos Ambiental, o evento fomenta a interação e a troca de experiências entre pesquisadores de instituições nacionais e internacionais, motivando a criação de pesquisa em rede.

Para o coordenador do evento, Johannes Gérson Janzen essa escola visa ser a primeira de uma série a ser organizada pelo Programa de Pós-Graduação em Tecnologias Ambientais (PGTA) e pela Faculdade de Engenharias, Arquitetura e Urbanismo e Geografias (FAENG) da UFMS e visa criar uma massa crítica internacional na UFMS na área de Mecânica dos Fluidos Ambiental. O evento faz parta da internacionalização do PGTA, internacionalização esta que já vem ocorrendo na área através do intercâmbio de alunos e de parceria em projetos de pesquisa.

A Escola foi realizada anteriormente em Karlsruhe, Alemanha, 1999; Dundee, Escócia, 2001; Budapeste, Hungria, 2004; Karlsruhe, Alemanha, 2006; Santiago, Chile, 2009; Lucerne, Suíça, 2012; Hong Kong, China, 2014.

A Escola de Mecânica dos Fluídos

A Mecânica dos Fluidos (aplicada a Engenharia Ambiental) trata do estudo da mecânica dos fluidos, e dos processos de transporte de massa, quantidade de movimento e energia térmica associados a ele, que ocorre em sistemas naturais e em sistemas de engenharia.

Nas aulas teóricas, os participantes receberão o professor Harry Schulz da Universidade de São Paulo (USP) apresentará os processos de transferência de massa entre ar e água; o professor Tobias Bleninger da Universidade Federal do Paraná (UFPR) irá ministrar disciplinas na área de escoamentos estratificados, com aplicações na área de emissários submarinos e lagos/reservatórios; o professor sul-africano Van Zyl apresentará o tópico escoamento através de vazamentos em condutos forçados e o professor José Góes Vasconcelos, da Universidade de Auburn, Estados Unidos, irá ministrar o curso de modelagem em eventos extremos em sistemas hidráulicos.

Nas aulas práticas, o professor Leonardo Machado da Rosa ministrará o curso de “Computational Fluid Dynamics” (CFD). Na parte experimental de laboratório, o Prof. Rui Miguel Lage Ferreira da Universidade de Lisboa, Portugal, ministrará um curso “hands-on” na área de “Particle Image Velocimetry” (PIV). Vale a pena lembrar que poucos pesquisadores no Brasil usam PIV para estudar fenômenos na área de Mecânica dos Fluidos Ambiental. Para essas aulas práticas será usado o aparato PIV do Laboratório de Eficiência Energética e Hidráulica em Saneamento (LENHS) da UFMS.

Finalmente, também será realizada uma visita técnica a Águas Guariroba, empresa de saneamento de Campo Grande, visando ver in loco a aplicação da Mecânica dos Fluidos Ambiental ao saneamento.

A Escola destina-se a profissionais ligados a mecânica dos fluidos ambiental, entre pós-graduandos, alunos de graduação do último ano, professores, consultores ambientais, representantes de entidades não governamentais, representantes dos órgãos de Governo e de entidades usuárias dos recursos hídricos e demais recursos ambientais.