Produções voltadas ao público infantil serão exibidas na próxima sessão do Autocine UFMS

Estudantes e servidores podem participar de sorteio de ingressos nesta sexta-feira

No domingo, 18, serão exibidas produções destinadas, principalmente, ao público infantil na sessão do Autocine UFMS: Cordilheira de Amora II, Ser criança em Campo Grande e A princesa pantaneira, além de vídeo com contação de histórias pelo grupo de arte DEAC.

Moradora da Aldeia Amambai, no Mato Grosso do Sul, perto da fronteira do Brasil com o Paraguai, uma indiazinha Guarani Kaiowá, Carine Martines, de 9 anos, transforma seu quintal num experimento do mundo. Contando com folhas, tijolos, pedaços de papel, madeira e plástico, ela cria histórias e personagens que alargam sua solidão em brincadeiras, sonhos e projetos. Essa é a sinopse do documentário Cordilheira de Amora II, dirigido por Jamille Fortunato. A duração é de 12 minutos.

Ser criança em Campo Grande traz duas crianças que contam seu dia vivido na capital. Elas imaginam a cidade governada por crianças super-heroínas, com chuva de doces e balas, transformada em uma docelândia, sorvetelândia e guaranalândia e declaram o seu amor pela cidade. A animação tem duração de cinco minutos e foi dirigida pela professora da Faculdade de Educação da UFMS Constantina Xavier, que também produziu o filme A princesa pantaneira, que conta a história de uma princesa que vive no Pantanal sul-mato-grossense. O filme foi produzido com alunos do quinto ano da escola Escola Municipal Abel Freire de Aragão e tem duração de nove minutos.

“É uma alegria ter dois dos nossos filmes em exibição no Autocine UFMS. Os filmes foram produzidos em projetos de extensão realizados em escola pública municipal e contou com a participação efetiva de crianças em todo o processo, do roteiro ao planejamento da edição. Os filmes trazem as histórias regionais para a tela, expondo a experiência de vida em Campo Grande, no filme Ser criança em Campo Grande, e das aventuras da Princesa Pantaneira que toma uma poção mágica de guavira e se transforma na Super Princesa Pantaneira. Seu reino é no Pantanal, como chipa e toma tereré. É aventureira e muito corajosa. Os filmes trazem realidades próximas das vividas pelas crianças daqui. É muito importante para elas se identificarem com personagens que vivenciam experiências em lugares próximos aos da sua existência, compartilhando gostos, saberes e trazendo o protagonismo das crianças para o cinema” fala a professora Constantina. Os dois filmes integram o acervo do projeto de extensão Brincar de fazer cinema com crianças. Para saber mais sobre o projeto, clique aqui.

A reativação do Autocine UFMS foi possível por meio de iniciativa conjunta da UFMS, da Fundação de Cultura e Governo de Mato Grosso do Sul, contando ainda com o apoio do Serviço Social do Comércio de MS.

Ingressos

Os ingressos são limitados e podem ser retirados de terça a quinta-feira, das 8 às 17h, na Praça dos Imigrantes. Estudantes e servidores da UFMS podem concorrer a ingressos especiais. Para participar, é necessário estar logado em uma conta de e-mail da UFMS (passaporte) e preencher um formulário. Servidores podem acessar o formulário clicando aqui. Já os estudantes devem preencher outro formulário disponível aqui. O sorteio será realizado nesta sexta-feira, 16, às 11h, por meio do https://sorteador.com.br/ e transmitido ao vivo no perfil da UFMS no Instagram.

O sorteio é fruto de uma parceria entre as pró-reitorias Proece, de Assuntos Estudantis e de Gestão de Pessoas. Segundo o chefe da Coordenadoria de Cultura e Esporte, da Pró-reitoria de Extensão, Cultura e Esporte, Junior Silva, a retirada dos ingressos deve ser feita também na sexta-feira, 16, impreterivelmente, das 14h às 17h, no portão do Autocine, mediante a apresentação de um documento com foto. “Os ingressos dos servidores e estudantes contemplados no sorteio que não forem retirados serão repassados a outros interessados”, explica.

 

Texto: Vanessa Amin, com imagens do acervo do projeto Brincar de fazer cinema com crianças