Humap-UFMS está entre instituições públicas federais mais elogiadas do Brasil

O Hospital Universitário Maria Aparecida Pedrossian (Humap-UFMS), vinculado à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), está entre as instituições federais mais elogiadas do Brasil no ranking desenvolvido por meio da Controladoria Geral da União (CGU). Ao todo, no ano de 2019, foram registrados 488 elogios na Plataforma Integrada de Ouvidorias e Acesso à Informação (Fala.BR), índice que posicionou o Humap-UFMS em 2° lugar no dia 10 de janeiro. O marco configura a instituição como uma das mais bem vistas pelo público interno/externo, com relação à prestação de serviços, valorização de pessoal e reconhecimento profissional.

Entre os tipos de manifestações possíveis estão denúncia (comunicar a ocorrência de um ato ilícito), reclamação (insatisfação com o serviço público, fazer críticas, relatar ineficiência), solicitação (espera por atendimento ou prestação de serviço – medicamento ou ação do órgão em questão), sugestão (ideia ou proposta de melhoria), elogio (satisfação com o atendimento), simplifique (solicitação de simplificação de etapas burocráticas no processo).

O usuário ou colaborador realiza sua manifestação na plataforma Fala.BR, e esta é direcionada ao “Painel Resolveu?”. Essa ferramenta reúne informações sobre manifestações de ouvidoria que a Administração Pública recebe diariamente pelo sistema Fala.BR. A aplicação permite pesquisar, examinar e comparar indicadores de forma rápida, dinâmica e interativa. Criado pelo Ministério da Transparência e Controladoria (CGU), o “Painel Resolveu” tem por objetivo dar transparência e fornecer dados que auxiliem gestores e cidadãos no exercício do controle por meio da participação social.

Para o ouvidor do Humap-UFMS, Diego Henrique de Souza Rezende, esse ranking demonstra que o serviço está no caminho certo. “Trabalhamos com encaminhamento dos elogios às chefias imediatas, para que elas parabenizem os profissionais apontados e premiamos anualmente os setores mais elogiados para motivarem os próprios colaboradores a trabalharem numa perspectiva de assistência humanizada e colaborativa”.

O Superintendente do Humap/UFMS, Prof. Dr. Claudio Cesar Silva, afirma que “conseguir a segunda posição nesse ranking é uma grande vitória, pois somos um hospital público e trabalhamos atendendo pessoas em situações críticas e vulneráveis, além de formarmos profissionais para a saúde. Esse resultado é mérito de todas as nossas equipes administrativa, assistencial e de ensino, dos médicos residentes, dos nossos alunos, professores, preceptores, supervisores e, também, da nossa Sede Ebserh, que nos orienta, apoia, protege  e sempre cobra melhores resultados.”

Saiba mais acessando:

Fala.BR

Painel Resolveu?

 

Sobre a Rede Hospitalar Ebserh

O Hospital Universitário Maria Aparecida Pedrossian (Humap) faz parte da Rede Hospitalar Ebserh desde dezembro de 2013. Vinculada ao Ministério da Educação (MEC), a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) foi criada em 2011 e, atualmente, administra 40 hospitais universitários federais, apoiando e impulsionando suas atividades por meio de uma gestão de excelência.

Como hospitais vinculados a universidades federais, essas unidades têm características específicas: atendem pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), e, principalmente, apoiam a formação de profissionais de saúde e o desenvolvimento de pesquisas. Devido a essa natureza educacional, a os hospitais universitários são campos de formação de profissionais de saúde. Com isso, a Rede Hospitalar Ebserh atua de forma complementar ao SUS, não sendo responsável pela totalidade dos atendimentos de saúde do país.

 

Texto: Unidade de Comunicação Social do Humap-UFMS