Concurso Audiovisual da Andifes seleciona vídeos sobre o fortalecimento das universidades federais

This is a lead text and needs your attention.
Estão abertas as inscrições para o 3º Concurso Audiovisual da Associação Nacional das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes), com o tema Universidade: Conhecimento e Cidadania. O objetivo é a produção de conteúdos de no máximo um minuto de duração que tenham como foco narrativo o fortalecimento das universidades federais, por meio de perspectivas diferentes e criativas.

A técnica para criação da obra é livre e a utilização de recursos complementares de lentes, filtros especiais, ampliação, etc., é permitida. Podem participar estudantes de Instituições Federais de Ensino Superior associadas à Andifes, e os três primeiros colocados serão premiados com valores de R$ 3 mil, R$ 2 mil e R$ 1 mil, respectivamente.

As inscrições vão até 31 de janeiro de 2022, clique aqui para acessar o regulamento e a ficha de inscrição.

A primeira etapa de avaliação dos vídeos será feita por meio do canal da Andifes no YouTube, onde os dez vídeos mais visualizados durante o período de duas semanas serão automaticamente classificados para a última etapa de avaliação: um júri especializado que irá avaliar critérios estéticos, a representação do tema proposto e os elementos técnicos e inovadores utilizados.

O Concurso Audiovisual é coordenado pelo Colégio de Gestores de Comunicação das Universidades Federais (Cogecom) e, conforme conta a diretora Rose Pinheiro, também diretora da Agência de Comunicação Social e Científica da UFMS, o tema é o mesmo da campanha coletiva promovida pelo Colégio para divulgar ações que levam o conhecimento produzido nas universidades para a sociedade. “Nós fizemos a campanha coletiva com todos os gestores de comunicação das universidades federais, com indicadores do papel e das ações das universidades durante 2020, uma contribuição bem importante do Cogecom que rendeu, inclusive, um Prêmio Darcy Ribeiro para a Andifes, mostrando o papel estratégico da comunicação para o fortalecimento das universidades federais”, comenta.

De acordo com ela, a ligação entre conhecimento e cidadania ficou ainda mais clara por conta da pandemia de Covid-19. “Isso ficou muito mais evidente durante a pandemia, o papel da universidade, a missão social das universidades, então é uma oportunidade para os estudantes mostrarem, com muita criatividade e com muita propriedade, as relações da universidade com a sociedade”.

Cogecom

Criado em 2016, o Colégio de Gestores de Comunicação das Universidades Federais tem o objetivo de assessorar a Andifes na área de comunicação das Instituições Federais de Ensino Superior, além de desenvolver políticas nacionais de comunicação social e contribuir para a valorização da comunicação pública no ambiente das Universidades, entre outros.

Rose Pinheiro atua na diretoria do Cogecom desde 2019, ano em que foi secretária da gestão. Em 2020, ocupou o cargo de vice-diretora e, este ano, de diretora. Na quinta-feira passada, 30 de setembro, Rose foi reeleita como diretora do Colégio, para a gestão de 2022.

Texto: Leticia Bueno