Começa hoje (3) a 18ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia

Foi realizada hoje, 3, a abertura da 18ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, evento promovido pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) com o objetivo de mostrar a importância da ciência e da tecnologia para a sociedade e os impactos das pesquisas científico-tecnológicas realizadas no Brasil.

O tema deste ano é A transversalidade da ciência, tecnologia e inovações para o planeta e 312 municípios de todo o país se cadastraram para participar da edição, totalizando 6236 atividades.

Às 13h  foi realizada a mesa “Diálogos sobre a inclusão e a acessibilidade”, para promover o debate sobre a inclusão e a acessibilidade com um olhar para as possibilidades na educação, no esporte, no lazer e na vida diária. A partir das 14h, a abertura foi realizada de maneira híbrida – presencialmente, no Pavilhão de Exposições do Parque da Cidade, em Brasília; e com transmissão ao vivo pelo YouTube.

A secretária de Articulação e Promoção da Ciência do MCTI, Christiane Corrêa, foi a primeira a discursar na solenidade de abertura e frisou o quanto os desafios impostos pela pandemia reforçaram a importância da ciência. “Após períodos de incertezas, dúvidas e inseguranças, em virtude de uma pandemia que obrigou a sociedade brasileira e mundial a adaptar seu novo modo de vida. Depois de 24 meses, hoje nós podemos nos reunir com segurança, mas ainda seguindo todos os protocolos necessários, graças ao empenho da Ciência, da Tecnologia e da Inovação para as nossas vidas. Sim, ciência salva vidas”, disse.

O ministro Marcos Pontes discursou sobre diversos tópicos e, entre eles, sobre a importância do acesso democratizado à educação de qualidade, como forma de emancipação social. “Nós precisamos pensar no futuro, pensar nessa garotada que está visitando aqui hoje, para que eles, da mesma forma que eu tive aquele sonho lá trás e hoje, obviamente depois de muito estudo, porque nada disso se faz sem educação (…), aquele que ficava sonhando, hoje é ministro. Onde podem chegar nossas crianças aqui? E não importa se elas são filhos de faxineiros, como eu sou, ou se são filhos de banqueiros. O fato é que elas têm chance através de Ciência, Tecnologia, Inovações e Educação”, afirmou.

Clique aqui para assistir a transmissão na íntegra e acesse semanact.mcti.gov.br para acompanhar as informações do evento.

Texto: Leticia Bueno