Campus de Três Lagoas

Principal cidade do leste sul-mato-grossense, Três Lagoas é uma das precursoras do ensino superior no estado de Mato Grosso. Em 1967, um Decreto Estadual definiu a criação do Instituto de Ciências Humanas e Letras.

Com o surgimento da Universidade Estadual de Mato Grosso (UEMT) em 1969, por meio da Lei Estadual nº 2.947, o Instituto foi integralizado, assim como o Instituto de Ciências Biológicas de Campo Grande (ICBCG) e o Instituto Superior de Pedagogia, em Corumbá.

O Conselho Estadual de Educação do Estado, pela Resolução n. 29/1970, de 4 de abril de 1970, renomeou o Instituto de Ciências Humanas e Letras que passou a funcionar como Centro Pedagógico de Três Lagoas, com a oferta dos cursos de licenciatura plena em Pedagogia, Letras, História, Geografia e Matemática.

As primeiras aulas do Centro Pedagógico de Três Lagoas aconteceram em março de 1970, nas dependências da Escola Paroquial “Bom Jesus”, que foi cedida à época pelo município, para ser utilizada no período noturno, enquanto perdurassem as obras de construção da sede própria.

Realizado entre 25 e 27 de janeiro de 1970, o primeiro concurso vestibular do Cento de Três Lagoas teve 246 inscritos com 228 aprovados.

Somente depois da federalização da UEMT com a instituição da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (Lei Federal nº 6.674 de 1979), o Centro Pedagógico tornou-se Campus de Três Lagoas.

Com duas Unidades, o CPTL oferece, atualmente, 14 cursos de graduação e quatro de pós-graduação. Na Unidade I estão os cursos de Licenciaturas em Letras, Pedagogia, Mestrado Profissional em Letras e Mestrado e Doutorado acadêmicos em Letras.

Na Unidade II, Licenciatura em Geografia, Ciências Biológicas, História e Matemática; os bacharelados em Geografia, Ciências Contábeis, Direito, Administração, Enfermagem, Sistemas de Informação, Engenharia de Produção e Medicina, além do Mestrado Acadêmico em Geografia e do Mestrado Profissional em Matemática.

O Campus tem hoje 2.736 alunos matriculados e oferta um total de 683 vagas.

Para mais informações, acesse: http://cptl.sites.ufms.br/